Reciclagem de Componentes Eletrônicos

Reciclagem de Componentes Eletrônicos

A Nova Recicle Logística Reversa trabalha com a reciclagem de componentes eletrônicos desde sua fundação, oferecendo serviços de qualidade com garantia de trabalho bem feito. A preservação do meio ambiente é o nosso foco principal e toda a nossa equipe técnica, que possuem mais de 10 anos de experiência nesse ramo relativamente novo que é o da logística reversa, são praticamente veteranos, possuindo grande renome no mercado nacional quando o assunto é empresa de reciclagem de componentes eletrônicos.

As peculiaridades da reciclagem de componentes eletrônicos realizada pela Nova Recicle Logística Reversa

reciclagem de componentes eletrônicos não pode ser realizada por uma empresa que não seja licenciada pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente, a “CETESB” e pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, o “IBAMA”, já a Nova Recicle Logística Reversa, que além de possuir todas essas licenças, ainda pode garantir a qualidade totalmente superior quando comparada com a concorrência, oferecendo sempre um serviço melhor com mais agilidade e precisão.

Esse processo de reciclagem de componentes eletrônicos é realizado devido a um processo que é efetuado após a chegada do material em nossa sede, o serviço consiste de: separação dos materiais que ainda podem ser reutilizados que futuramente serão disponibilizados para atender uma demanda que procura produtos com preços mais acessíveis, além disso, outros derivados provenientes da descaracterização desse material serão destinados como “matéria-prima” para a indústria, que ao invés de precisar explorar de novas fontes naturais utiliza desses materiais para manufatura de novos produtos, poupando o meio ambiente de ter que lidar com volumes desnecessários de resíduos ao longo tempo.

Os processos de análise de viabilidade efetuada por nossa equipe

Quando o contato para a coleta dos materiais de reciclagem de componentes eletrônicos é efetuado, a nossa equipe técnica primeiramente realiza uma inspeção chamada de “análise de viabilidade”, esse tipo de exame busca entender e analisar o estado de conservação do produto, o que nos diz por si só o nível de reaproveitamento que o produto possui, variando assim qual processo deve ser realizado; além da já mencionada reciclagem de componentes eletrônicos, os outros dois processos mais usados são os de:
● Reutilização do material, caso em bom estado, pode ser feito o conserto e exclusão total dos dados ainda presente no aparelho, mantendo assim a privacidade do antigo usuário, e logo em seguida pode ser ofertado para um público que encontra nesses equipamentos atender suas necessidades.
● Recuperação dos derivados, essa condição é encontrada após o processo de descaracterização que tem como finalidade, a sua utilização como matéria-prima para fabricação de novos produtos.
● Em último caso, quando a reciclagem de componentes eletrônicos e a reutilização não são possíveis, é realizado o descarte final, por meio da incineração ou disposição final em aterros especializados, essa opção aparece apenas em situações onde já encontra-se esgotadas todas as possibilidades de recuperação.

Regiões de São Paulo que a Nova Recicle atende com Reciclagem de Componentes Eletrônicos

  • Aclimação
  • Bela Vista
  • Bom Retiro
  • Brás
  • Cambuci
  • Centro
  • Consolação
  • Higienópolis
  • Glicério
  • Liberdade
  • Luz
  • Pari
  • República
  • Santa Cecília
  • Santa Efigênia
  • Vila Buarque
  • Brasilândia
  • Cachoeirinha
  • Casa Verde
  • Imirim
  • Jaçanã
  • Jardim São Paulo
  • Lauzane Paulista
  • Mandaqui
  • Santana
  • Tremembé
  • Tucuruvi
  • Vila Guilherme
  • Vila Gustavo
  • Vila Maria
  • Vila Medeiros
  • Água Branca
  • Bairro do Limão
  • Barra Funda
  • Alto da Lapa
  • Alto de Pinheiros
  • Butantã
  • Freguesia do Ó
  • Jaguaré
  • Jaraguá
  • Jardim Bonfiglioli
  • Lapa
  • Pacaembú
  • Perdizes
  • Perús
  • Pinheiros
  • Pirituba
  • Raposo Tavares
  • Rio Pequeno
  • São Domingos
  • Sumaré
  • Vila Leopoldina
  • Vila Sonia
  • Aeroporto
  • Água Funda
  • Brooklin
  • Campo Belo
  • Campo Grande
  • Campo Limpo
  • Capão Redondo
  • Cidade Ademar
  • Cidade Dutra
  • Cidade Jardim
  • Grajaú
  • Ibirapuera
  • Interlagos
  • Ipiranga
  • Itaim Bibi
  • Jabaquara
  • Jardim Ângela
  • Jardim América
  • Jardim Europa
  • Jardim Paulista
  • Jardim Paulistano
  • Jardim São Luiz
  • Jardins
  • Jockey Club
  • M'Boi Mirim
  • Moema
  • Morumbi
  • Parelheiros
  • Pedreira
  • Sacomã
  • Santo Amaro
  • Saúde
  • Socorro
  • Vila Andrade
  • Vila Mariana
  • Água Rasa
  • Anália Franco
  • Aricanduva
  • Artur Alvim
  • Belém
  • Cidade Patriarca
  • Cidade Tiradentes
  • Engenheiro Goulart
  • Ermelino Matarazzo
  • Guaianazes
  • Itaim Paulista
  • Itaquera
  • Jardim Iguatemi
  • José Bonifácio
  • Mooca
  • Parque do Carmo
  • Parque São Lucas
  • Parque São Rafael
  • Penha
  • Ponte Rasa
  • São Mateus
  • São Miguel Paulista
  • Sapopemba
  • Tatuapé
  • Vila Carrão
  • Vila Curuçá
  • Vila Esperança
  • Vila Formosa
  • Vila Matilde
  • Vila Prudente
  • São Caetano do Sul
  • São Bernardo do Campo
  • Santo André
  • Diadema
  • Guarulhos
  • Suzano
  • Ribeirão Pires
  • Mauá
  • Embu
  • Embu Guaçú
  • Embu das Artes
  • Itapecerica da Serra
  • Osasco
  • Barueri
  • Jandira
  • Cotia
  • Itapevi
  • Santana de Parnaíba
  • Caierias
  • Franco da Rocha
  • Taboão da Serra
  • Cajamar
  • Arujá
  • Alphaville
  • Mairiporã
  • Bertioga
  • Cananéia
  • Caraguatatuba
  • Cubatão
  • Guarujá
  • Ilha Comprida
  • Iguape
  • Ilhabela
  • Itanhaém
  • Mongaguá
  • Riviera de São Lourenço
  • Santos
  • São Vicente
  • Praia Grande
  • Ubatuba
  • São Sebastião
  • Peruíbe
Veja Também

O texto acima "Reciclagem de Componentes Eletrônicos" é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal. – Lei n° 9.610-98 sobre direitos autorais.